BIODIVERSIDADE

Saiba mais...

O meio ambiente deve deixar de ser simplesmente explorado e deve ser visto como elemento fundamental à nossa sobrevivência. Deve ser conservado, respeitado, mantido. Todas as sinalizações climáticas estão alertando a humanidade sobre a necessidade de rever diversos de seus conceitos: secas onde nunca houve, invernos rigorosos em locais que possuíam clima mais quente, enchentes em áreas de fama contrária; enfim, uma verdadeira mudança de paradigmas.

A diversidade de animais e plantas, a biodiversidade, tende a se reduzir, o que trará malefícios à humanidade e com isso o que se perderá não será somente a beleza das flores e dos animais. A falta de remédios oriundos de plantas medicinais que venham a desaparecer poderá fazer com que velhas doenças ressurjam.

A manutenção da biodiversidade é uma forma de manter-se por longo tempo a exploração de recursos naturais com qualidade e sabedoria. Não permitir que espécies animais e vegetais sejam extintas deve ser meta prioritária no planejamento de todo governo, empresa, cidadão.

Correta reciclagem, tratamento de resíduos e dejetos de qualquer natureza é forma eficiente de garantir a preservação de mananciais e recursos hídricos. Devemos entender que mesmo soluções que são, à primeira vista, salvadoras de ecossistema, devem ser analisadas dentro do contexto em que se pense inseri-las. Usinas geradoras de energia eólica ou solar, por exemplo, se não bem planejadas e adaptadas ao ecossistema podem representar um verdadeiro tiro pela culatra.
Sustentabilidade é coexistir.